segunda, 22 agosto 2016 16:18

Volume de negócios da Sonae supera 2,4 mil milhões no 1.º semestre

O volume de negócios da Sonae aumentou 4,4% no 1.º semestre de 2016, comparativamente ao período homólogo, atingindo os 2,431 mil milhões de euros, ao passo que o volume internacional cresceu 13,6%. Nos mesmos meses o investimento total quase duplicou (116M€ para 208M€) e a dívida líquida diminuiu 1,7%.


“No 2.º trimestre assistimos na Sonae a importantes avanços na concretização da estratégia definida para os diferentes negócios. Continuámos a crescer no retalho e nas telecomunicações, concretizámos o objetivo de aquisição de uma participação na Salsa, assim como de alvos específicos na área de tecnologia, e progredimos na estratégia de reciclagem de capital e reforço de investimento em novos centros comerciais”, comenta Ângelo Paupério, coCEO da Sonae.


No retalho alimentar, o volume de negócios da Sonae MC alcançou 1,691 mil milhões de euros (+3,6% que em 2015) e reforçou a quota de mercado do Continente. A par disso, esta área de negócio continuou a implementar o programa de expansão de formatos de conveniência e proximidade, tendo aberto sete Continente Bom Dia e 37 lojas Meu Super desde o início de 2016.


Quanto ao retalho especializado, o volume de negócios da Sonae SR, que integra a Worten e a Sonae Sports and Fashion, situou-se em 614 milhões de euros, aumentando 5,5% relativamente ao período homólogo. Individualmente, a Worten registou um crescimento de 1,4% (404 M€), tendo as vendas omnicanal ascendido a 25,3% do volume de negócios. As vendas online cresceram 4,2% península ibérica. Já na Sonae Sports and Fashion, o volume de negócios aumentou 14,6%, para 210 M€, motivado pela inclusão da Losan e pelo desempenho positivo da Zippy em Portugal.


A Sonae RP, unidade de imobiliário de retalho, concretizou, no primeiro semestre de 2016, três operações de sale and leaseback no valor de 230 milhões de euros, equivalentes a um ganho de capital de aproximadamente 63 milhões. O valor contabilístico líquido do capital investido em bens imobiliários totalizou 888 milhões de euros.


Na Sonae IM, unidade de Gestão de Investimentos, o negócio tecnológico registou um volume de negócios de 61 milhões, aumentando 1,9% face aos primeiros seis meses de 2015. Destaca-se a angariação de 5 novos clientes de telecomunicações pela WeDo, a aquisição da Sysvalue pela S21Sec, o aumento do volume internacional de negócios da Saphety em 35%, o crescimento de 14% da Bizdirect, o lançamento da Bright Pixel e a aquisição da InovRetail.


Nos centros comerciais Sonae Sierra, as vendas de lojistas na Europa aumentaram 2,5%, para 1,439 mil milhões, correspondendo a um aumento de 3,9% no universo de lojas. A taxa de ocupação fixou-se nos 96,1%, sustentada pelo desempenho europeu, onde a ocupação atingiu os 97,1%. A Sonae Sierra possui atualmente 6 projetos em desenvolvimento: ParkLake (Roménia), Nuremberg (Alemanha), Zenata (Marrocos), Malaga Designer Outlet (Espanha), Cucuta (Colômbia) e a expansão do NorteShopping (Portugal).


Nas telecomunicações, as receitas operacionais da NOS aumentaram 6,2%, em termos homólogos, para 743 milhões de euros no 1.º semestre do presente ano.


Fonte: BA&N 

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária

Agregadores

Briefing Advocatus Fibra Store Welcome Vital Health