Entrevistas

10-08-2017

Ainda falta criar uma visão holística e sistémica em torno da economia circular. Este é o entendimento da diretora executiva do Smart Waste Portugal, Luísa Magalhães, consubstanciado no estudo sobre a relevância e impacto do sector dos resíduos em Portugal. Um estudo que permitiu identificar sinais positivos no caminho para uma verdadeira economia circular, mas também apontou lacunas, nomeadamente ao nível das políticas legislativas.

03-08-2017

São cinco os eixos da política de sustentabilidade da Sonae, centrados na ideia de melhoria contínua. Do negócio, das pessoas, dos parceiros e fornecedores, das comunidades e do planeta. A diretora de Marca, Comunicação e Responsabilidade Corporativa, Catarina Oliveira Fernandes, enquadra a estratégia, afirmando que o objetivo é a criação de valor alongo prazo.

03-07-2017

O aumento da competitividade a nível europeu é um dos desafios que os agricultores enfrentam. Portugal enfrenta ainda o desafio de garantir o autoabastecimento até 2020, o que vai implicar, nomeadamente, o aumento da produção interna. Mas, para isso, é preciso mais investimento. São posições do ministro da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Regional, Luís Capoulas Santos, em entrevista à Store.

01-06-2017

Este ano, a Alimentaria & Horexpo Lisboa apresenta-se com três novos eixos de atuação, que, diz, em entrevista, a diretora de Feiras da FIL, Fátima Vila Maior, vão ao encontro dos principais desafios que as empresas enfrentam, permitindo atrair novos segmentos de marcas. A partir de segunda-feira há 600 empresas e mais de duas mil marcas em exposição, sendo esperados mais de 25 mil compradores.

25-05-2017

Mais do que conseguir chegar a mais comerciantes e retalhistas, o objetivo da Checkpoint Systems passa pela melhoria dos sistemas de prevenção de perda e RFID. As palavras são do director-geral para Espanha e Portugal, David Pérez.  Outra preocupação da empresa é melhorar a experiência de compra dos clientes através de implementações adequadas às necessidades do retalhista.

11-05-2017

Ser "um polo dinamizador e gerador de cultura local" é o grande objetivo da note!, que, nos últimos anos, tem somado serviços muito distintos, apostando num formato "one stop shop". A aposta valeu-lhe "um crescimento a dois dígitos" no volume de negócios de 2016, segundo a diretora comercial, Rosário Almeida.

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária