segunda-feira, 31 março 2014 16:06

Portugueses estão a poupar menos

Portugueses estão a poupar menosA percentagem de portugueses que não faz qualquer tipo poupança subiu face a 2013, de 8,6 para 22,2% e os que o fazem optam pela transferência de dinheiro para a conta a prazo (40 por cento), indica um inquérito realizado pelo Cetelem.


Outros dados revelados por esta análise mostram que a percentagem de portugueses que utiliza o mealheiro tradicional como método de poupança subiu de 22,6 por cento no ano passado para 25 por cento este ano e que os investimentos em produtos bancários (PPR, ações e obrigações, entre outros) aumentaram em 2014, passando de 12 por cento em 2013 para 14,8 por cento em 2014.

Quando questionados sobre os seus hábitos de poupança, a maioria dos portugueses (38 por cento) admitiu que poupa sempre que possível ou sempre que sobra algum dinheiro (42,2 por cento em 2013). Também a percentagem de inquiridos que respondeu ter o hábito de poupar com uma regularidade mensal desceu significativamente face ao ano anterior: 30,4 por cento, face a 42,6 por cento no ano passado.

Com base no estudo, foi ainda apurado que alguns consumidores optam por fazer poupanças de forma pontual – com subsídios de férias e de Natal, entre outros –, tendo a percentagem que utiliza este método aumentado em 2014 (8 por cento face a 6 por cento do ano anterior).

O estudo Cetelem sobre a Literacia Financeira foi realizado entre os dias 17 e 25 de fevereiro em colaboração com a MultiDados, através de 500 entrevistas telefónicas a portugueses de ambos os sexos, com idades entre os 18 e os 65 anos, residentes em Portugal. O erro máximo é de 4,4 por cento para um intervalo de confiança de 95 por cento.

Fonte: Multicom

Newsletter

captcha 

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária