segunda, 06 novembro 2017 17:32

Bens de grande consumo continuam em curva ascendente

Os bens de grande consumo aumentaram 3,6% na quadrissemana de 11 de setembro a 8 de outubro, face ao período homólogo, de acordo com as Nielsen Scantrends. Nesse intervalo, as marcas de fabricante apresentaram maior dinamismo (4%), mas no acumulado dos três trimestres foram as da distribuição que mais se destacaram, com uma subida de 3,9%.

 

Por setores, o das bebidas foi o que registou maior dinâmica, quer na quadrissemana (6,)%), quer no acumulado do ano (7,3%). As marcas da distribuição apresentaram crescimentos superiores nos dois períodos.

Na alimentação, o crescimento foi de 3%, com as marcas de fabricante (3,7%) a crescer acima das marcas da distribuição (2,1%). No acumulado dos trimestres, esta categoria subiu 2,7%, com as marcas da distribuição a registar um melhor desempenho face ás de fabricante (3,4% face a 2,2%).

O crescimento é extensível à categoria de higiene do lar, que registou uma subida de 2,7% nesta quadrissemana, sobre um período homólogo que já crescia 6,3%. Aqui, as marcas de fabricante (3,1%) crescem acima das marcas da Distribuição (1,6%), sendo esta a única categoria em que a mesma relação se mantém quando analisado os três trimestres.

Quanto à higiene pessoal, nesta quadrissemana apresentou um crescimento de 2,2%, com as marcas da distribuição a evidenciarem-se face ás de fabricante (3,9% versus 1,6%).
Desde o início do ano, esta categoria cresceu 2,4%, com as marcas da distribuição a aumentarem 5,2%, enquanto as de fabricante cresceram 1,6%.

Fonte: Nielsen

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária