sexta-feira, 19 março 2021 16:14

Lidl promove sustentabilidade no 1.º ciclo

O Lidl arranca com uma nova edição do projeto “Turma Imbatível”, levando aos alunos do 1.º ciclo do ensino básico uma mensagem de sensibilização sobre estilos de vida sustentáveis. As escolas podem candidatar-se a receber um jogo de tabuleiro gigante com perguntas e desafios sobre o tema.

Dando continuidade ao seu programa educativo junto das crianças do 1º ciclo do ensino básico, o Lidl desenvolveu um jogo de tabuleiro gigante, “com regras fáceis e um guião simples”, para que os professores o consigam jogar em sala de aula e em turmas separadas, respeitando todas as regras e normas de segurança.

O “Turma Imbatível – Um jogo e peras” foi desenhado com o apoio da Direção-Geral da Educação (DGE), da Direção-Geral da Saúde, da Agência Portuguesa do Ambiente e da Associação Nacional de Produtores da Pera Rocha. E será entregue em 100 escolas durante este ano letivo.

“Têm sido tempos desafiantes, em especial para as crianças, queremos, mais do que nunca estar ao lado deles, proporcionando-lhes divertidos momentos de aprendizagem. Nesta nova abordagem, adaptada ao atual contexto de pandemia, sob o mote ‘aprender a sustentabilidade, a brincar’, pretendemos dar um papel ativo na aprendizagem aos alunos, através de um jogo de tabuleiro com perguntas e desafios de sustentabilidade para implementar em sala de aula, em total segurança”, explica a diretora de Comunicação Corporativa e Sustentabilidade do Lidl Portugal, Vanessa Romeu.

O diretor de Serviços de Projetos Educativos da DGE, José Carlos Sousa, afirma que “a DGE, no âmbito da Estratégia Nacional de Educação para a Cidadania, reconhece o projeto ´Turma Imbatível´ como uma boa prática para a abordagem integrada de diferentes domínios, como seja a saúde, a educação ambiental, o desenvolvimento sustentável ou a literacia financeira e educação para o consumo, não se esgotando nestes, mas podendo ‘efetuar’ a integração de outros”.

As escolas que pretendam receber o jogo, podem inscrever-se enviando um e-mail para o projeto.

Fonte: Cunha Vaz & Associados 

Newsletter

captcha 

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária