sexta-feira, 17 dezembro 2021 14:36

Programa educativo do Lidl regressa às escolas

O programa educativo do Lidl Portugal celebra 10 anos e regressa às escolas nacionais, para ensinar, através de um jogo, a sustentabilidade às crianças. Nesta edição, a “Turma Imbatível” conta, também, com o apoio da Associação Natureza Portugal|World Wildlife Fund (ANP|WWF) e da Associação Portuguesa de Nutrição (APN).

Dando continuidade ao seu programa educativo destinado às crianças do primeiro ciclo do ensino básico, o Lidl regressa às escolas nacionais, para promover comportamentos mais responsáveis e sustentáveis junto dos mais novos, ensinando-os a cuidar melhor da sua alimentação e do planeta.

À Direção-Geral da Educação (DGE), Direção-Geral da Saúde (DGS), Agência Portuguesa para o Ambiente (APA) e Associação Nacional de Produtores de Pera Rocha (ANP), que já apoiavam o programa, juntam-se: a ANP|WWF, que contribuiu com novas perguntas e desafios, numa abordagem que incentiva as crianças a descobrir mais sobre o planeta; e a APN, que vai fazer a validação técnica dos conteúdos do projeto, em termos de uma alimentação saudável.

A diretora executiva da ANP|WWF, Ângela Morgado, explica que “envolver os jovens na proteção da natureza e na luta por um futuro sustentável é uma prioridade comum à ANP|WWF e ao Lidl”. “Juntos, através da iniciativa ‘Turma Imbatível’, vamos partilhar conhecimento, sensibilizar e motivar a ação dos mais pequenos em prol de um planeta mais saudável e mais justo”, diz.

Por seu lado, a presidente da Direção da APN, Célia Craveiro, considera que “promover a sustentabilidade alimentar desde cedo na vida de um indivíduo, poderá torná-lo um adulto mais consciente”. “Desta forma, programas de base comunitária que trabalhem estas matérias, no contexto do primeiro ciclo, estão alinhados com uma das atuais missões desta associação, pelo que nos congratulamos por apoiar e incentivar a continuidade do projeto ‘Turma Imbatível’”, afirma.

A “Turma Imbatível” oferece às escolas interessadas um jogo de tabuleiro gigante, “um jogo e peras!”, que os professores podem implementar em sala de aula. As inscrições estão abertas.

Fonte: Cunha Vaz & Associados

Newsletter

captcha 

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária