terça-feira, 02 agosto 2022 12:47

ALDI Nord atinge as suas metas climáticas em 2021

O ALDI Nord alcançou, em 2021, o objetivo de redução de 40% de emissões de gases com efeito de estufa, em comparação com os valores de 2015. De acordo com o Relatório de Sustentabilidade do grupo, em Portugal, o retalhista tem expandido a sua oferta de produtos certificados sustentáveis.

No ALDI Nord, a redução de 40% de emissões de gases com efeito estufa, o ano passado, permitiu alcançar uma poupança de 48,3%, no conjunto das emissões de âmbito um e dois – relativamente ao ano de base, 2015. Várias medidas de eficiência implementadas em lojas, processos logísticos e novos centros de distribuição, bem como a mudança para energia verde em quatro países – Bélgica, Alemanha, Espanha e Países Baixos –, “contribuíram significativamente” para alcançar esse objetivo em 2021.

O Relatório de Sustentabilidade 2021 do grupo diz ainda que, em Portugal, o ALDI também tem registado “progressos contínuos”. Atualmente, 50% do sortido de pescado sustentável é certificado, assim como o café, com uma percentagem que supera os 75%. No que respeita a artigos não alimentares, cerca de 90% do algodão sustentável, das gamas de vestuário e têxteis para o lar, é também certificado.

“Há vários anos que o grupo ALDI Nord tem vindo a seguir uma estratégia climática sistemática, com o propósito de contribuir positivamente para a utilização consciente e eficiente dos recursos, de modo a proteger o ambiente e o clima a longo prazo. Ao adotarmos uma abordagem responsável, podemos influenciar diretamente os custos das nossas atividades empresariais e contribuir para a proteção do planeta”, afirma a corporate responsibility director da ALDI Portugal, Elke Muranyi.

Fonte: ALDI

Newsletter

captcha 

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária