sexta-feira, 20 janeiro 2023 11:58

Vendas nos centros comerciais ultrapassam níveis pré-pandemia em 20%

A faturação das lojas nos centros comerciais, em 2022, registou uma variação positiva de 20,6% face a 2019, incluindo alimentar, segundo um estudo da REDUNIQ Insight desenvolvido para a Associação Portuguesa de Centros Comerciais (APCC).

Como habitualmente, o 4.º trimestre é o que representa a maior percentagem das vendas em 2022, com 31,7% (face aos 30,5% em 2019). A variação positiva da faturação das lojas é explicada, sobretudo, pelo aumento do número de transações, com mais 20,9% em relação a 2019.

Apesar do valor da inflação verificado em 2022, o ticket médio das compras em lojas dos centros comerciais foi semelhante ao verificado em 2019: 37,2 euros. O valor da compra média é mais elevado ao fim de semana, ficando nos 38,3 euros.

De acordo com o documento, 50% da faturação em centros comerciais realiza-se de sexta-feira a domingo e 34% ao fim de semana. Já nos dias úteis da semana, o período pós-laboral (a partir das 17 horas) representou 42% da faturação nos centros comerciais.

Os principais sectores que caracterizam o consumo em centros comerciais, como a moda, as perfumarias e a restauração, apresentam em 2022 um valor de compra média superior ao registado em 2019.

Em termos sectoriais, em 2022, 34% do total de faturação registada em centros comerciais é relativa à categoria moda. Além disso, 28% foi gasto em supermercados e 14% em restauração. Categorias como cabeleireiros e restauração apresentam um crescimento mais expressivo, em parte explicado pela desmaterialização dos pagamentos de dinheiro para cartão.

Fonte: F5C

Newsletter

captcha 

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária