×

Alerta

JUser: :_load: Não foi possível carregar o utilizador com o ID: 807

quinta-feira, 06 março 2014 16:31

Vem aí o Total Retail

Vem aí o Total RetailOs smartphones e as redes sociais estão a revolucionar o consumo e as marcas têm de abandonar a estratégia multinacanal e desenvolver um modelo Total Retail, afirma a PwC no seu estudo "Achieving Total Retail", divulgado pelo jornal espanhol Expansión.

 

O atual formato multicanal "não responde às necessidades dos consumidores" mas também não faz sentido "o omnicanal". Agora, para as marcas se relacionarem com os consumidores, "não importa o tipo de canal", defende Javier Vello, responsável pela área de Distribuição e Consumo da PwC em Espanha.

 

O consumidor procura uma marca única e diferenciada, uma oferta personalizada mas não invasiva, quer comprar através do telemóvel e usar as redes sociais. Para estas novas "exigências" as marcas têm de mudar a sua estrutura – integrando, por exemplo, um CCO que centralize a gestão da cadeia da procura - , conhecer melhor o consumidor, entender a tecnologia como um elemento estratégico e oferecer segurança nas compras online.

 

Todas estas mudanças enquadram-se no modelo Total Retail, que faz do cliente o ponto de atenção central. "Os modelos multicanal e omnicanal foram as primeiras respostas da indústria da distribuição e consumo para se adaptar às novas exigências da revolução digital e do comércio eletrónico. Mas estes demonstraram ser dispendiosos, complexos e ineficientes, desde o ponto de vista do marketing até à experiência do cliente", afirma Vello.

 

Por isso, a realidade obriga as "empresas de distribuição a mudar o foco do canal para o consumidor e evoluir para um modelo Total Retail", afirma o mesmo responsável. Para chegar a estas conclusões a PwC realizou um inquérito junto de 15.000 compradores online em 15 países diferentes.

 

Fonte: Expansión

Newsletter

captcha 

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária