Imprimir esta página
segunda-feira, 16 abril 2018 16:01

ANI volta a associar-se ao Green Project Awards

A Agência Nacional de Inovação (ANI) volta a associar-se ao GPA – iniciativa que reconhece as boas práticas em projetos que promovam o desenvolvimento sustentável – através da atribuição do prémio “GPA-ANI, Born From Knowledge (BfK) Awards”. Pelo segundo ano consecutivo, o prémio vai ser atribuído a um finalista, de todas as categorias, da edição do GPA 2018, cujas candidaturas decorrem até 31 de maio.

 

A coordenadora do programa BfK, Katiuska Cruz, considera que a resposta ao desafio do desenvolvimento sustentável passa por uma maior aposta na inovação de base científica e tecnológica, nomeadamente no que diz respeito à criação de soluções alternativas, inovadoras e eficazes. A associação da ANI ao GPA, através dos “BfK Awards”, cumpre o objetivo de identificar e distinguir as melhores ideias que, nascidas do conhecimento, visem a promoção do equilíbrio ambiental, económico e social.

O vencedor vai receber uma peça de arte e a oportunidade de beneficiar de acompanhamento, levado a cabo pela ANI, para desenvolver e implementar o projeto. Além deste prémio, o GPA atribui outros três: o “GPA – COTEC Indústria 4.0”, o “GPA – EGF Inovação e Economia Circular” e o “GPA – REN Biodiversidade e Florestas”.

Podem concorrer à iniciativa empresas, organizações não-governamentais, estabelecimentos de ensino, centros de investigação, entidades públicas e/ou municipais, associações, investigadores e outros cidadãos a título individual com projetos, iniciativas, produtos ou serviços, que visem o desenvolvimento sustentável e que tenham sido implementados ou disponibilizados em Portugal nos últimos três anos.

O GPA tem o patrocínio do Presidente da República e o apoio institucional da Comissão Europeia, da Unesco e da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. Conta, também, com o apoio dos Ministérios da Agricultura, Florestas e Desenvolvimento Rural; do Ambiente; da Economia; da Educação; e do Mar.

O BfK é um programa de valorização do conhecimento científico e tecnológico, promovido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, que distingue projetos que “nasçam do conhecimento” e empresas que mais se destaquem em atividades de investigação e desenvolvimento. Desde 2008, a iniciativa já recebeu mais de 1200 candidaturas e distinguiu mais de 120 projetos.

Fonte: GCI