segunda-feira, 20 julho 2020 10:14

Sonae e Jerónimo Martins subscrevem manifesto pela Ciência

Cientistas, empresários e gestores uniram-se em defesa de estratégias visionárias de desenvolvimento económico e social alicerçadas numa forte aposta em ciência e inovação. O manifesto já endereçado ao primeiro-ministro, António Costa, tem entre os subscritores a CEO da Sonae, Cláudia Azevedo, e o seu homólogo da Jerónimo Martins, Pedro Soares dos Santos.

 

Os signatários entendem que garantir mecanismos financeiros e de cooperação entre setor público e privado permitirá a Portugal assumir uma posição de liderança e um forte contributo para o aumento de competitividade na Europa. 

Argumentam que é urgente uma tomada de posição assente em estratégias que coloquem a investigação e a inovação nas prioridades nacionais e europeias: “Mais do que nunca, a ciência e a inovação ocupam um espaço imprescindível e determinante na sociedade, nomeadamente na identificação de soluções para emergências em saúde pública, na definição de estratégias de resposta, na determinação das políticas publicas necessárias ou ainda nos modelos de negócio existentes. A pandemia atual trouxe para a ribalta uma verdade conhecida, mas muitas vezes esquecida”.

O Manifesto aponta uma estratégia consolidada em torno de três pilares fundamentais: uma visão para o futuro, a cooperação entre público e privado e o reforço do investimento em inovação. Assim, o documento realça a necessidade de visão estratégica de longo prazo, defendendo que só uma investigação fundamental de qualidade permitirá criar conhecimento e ferramentas para fazer face aos desafios futuros e imprimir a concretização das nossas aspirações.

Fonte: Ciência Portugal

Newsletter

captcha 

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária