segunda-feira, 17 outubro 2016 15:21

Retalho responsável pela maior criação de empresas em Espanha

É no setor do retalho que se constituem mais empresas, em Espanha: nos primeiros nove meses do ano nasceram 18.044 novas companhias. Este é também o setor com melhores resultados, registando um crescimento de 31% face a 2015.

De acordo com o "Estudo sobre Demografia Empresarial", da INFORMA D&B, no país vizinho, foram registadas 79.714 novas empresas de janeiro a setembro deste ano, mais 12% do que no mesmo período do ano passado. O comércio a retalho lidera a criação de empresas: 6.227 novas companhias, mais 50,9% do que no período homólogo, tendo o setor de alimentação e bebidas registado 1.008 novas empresas, mais 24,7% do que em 2015.

O capital investido aumentou 2% nos primeiros nove meses, comparativamente ao ano anterior, alcançando 5.000 milhões de euros. No setor do retalho foram investidos 102,2 milhões de euros, mais 73,1% do que em 2015, e no comércio por atacado foram investidos 140,9 milhões, menos 8% comparativamente ao ano anterior. Na criação de novas empresas alimentícias, foram investidos 41,4 milhões de euros, mais 128,4% do que no ano passado.

Nos primeiros nove meses do ano, foi na Catalunha onde mais empresas nasceram, 3.343, totalizando 17.418 empresas. Andaluzia teve 1.339 novos registos, chegando às 13.224 empresas na região e em Madrid foram constituídas 412 novas firmas, atingindo as 15.180. No geral, no que respeita à criação de novas empresas, o país registou uma melhoria generalizada nos primeiros nove meses do ano, com exceção do País Basco, onde o número de novas empresas caiu 1%.

Fonte: financialfood.es, inforetail

Newsletter

captcha 

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária