terça, 19 junho 2018 17:22

Luís Simões investe 17 milhões em centro de operações em Espanha

A empresa Luís Simões, operador logístico português mas com atividade na Península Ibérica, investiu 17 milhões de euros num Centro de Operações Logísticas, em Cabanillas del Campo, Guadalajara, com enfoque na implementação de processos automatizados. Em consequência, criou 256 postos de empregos diretos e mais de 300 indiretos.

 

Com mais de 66.000m2 de área de armazenagem, o COL é composto por duas naves com os respetivos escritórios, e tem capacidade para 95 mil paletes. Todos os dias, são produzidas 100 mil unidades de picking, entram 60 camiões de descarga e saem 150 camiões de carga.

O centro apresenta uma ferramenta tecnológica que permite automatizar a expedição de paletes, respondendo a uma capacidade de saída de 200 paletes por hora. Além disso, conta, ainda, com uma solução adaptada à logística para o comércio eletrónico, tratando-se de um modelo de gestão automatizado, que melhora o rácio de produtividade em operações de alta rotação, fomentando a eficiência no trabalho de picking e reduzindo a percentagem de erro.

A empresa explica que “o centro foi construído tendo em conta os melhores padrões de qualidade, o que lhe permitiu obter o certificado LEED Gold em 2017, concedido pelo Conselho de Construção Verde dos Estados Unidos – US Green Building Council”.

A equipa Luís Simões “contribuiu proactivamente” para a obtenção desse certificado, comprometendo-se a utilizar produtos sustentáveis e promovendo as boas práticas de uso dos mesmos nas instalações, como a energia solar, o uso eficiente de água e eletricidade, entre outros.

 

Luís Simões investe 17 milhões em centro de operações em Espanha

Fonte: ATREVIA

Newsletter

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária