sexta-feira, 18 fevereiro 2022 14:06

Pingo Doce arrecada prémio internacional de sustentabilidade

O Pingo Doce arrecada um prémio de três estrelas da Lean & Green, plataforma europeia para a redução de emissões de CO2, depois de ter diminuído em mais de 40% as emissões de dióxido de carbono, nas suas atividades logísticas.

Ao aderir à plataforma, o Pingo Doce comprometeu-se a reduzir em, pelo menos, 20% as suas emissões de carbono no prazo de cinco anos, nas operações logísticas. A insígnia afirma ter ultrapassado “largamente” o compromisso.

Entre as medidas já implementadas, destaca-se a operação de transportes circular. Os veículos efetuam as suas viagens de retorno aos armazéns com produtos recolhidos nas fábricas dos fornecedores – backhauling –, e as viaturas dos fornecedores efectuam, quando possível, as viagens de regresso às fábricas com mercadoria que entregam nas lojas – fronthauling. Entre 2010 e 2020, o backhauling evitou a emissão de cerca de 67.000 toneladas de CO2e, o equivalente a uma poupança superior a 73 milhões de km e à recolha de cerca de três milhões de paletes; sendo que o fronthauling, mais recente, evitou a emissão de 197 toneladas de CO2e, desde 2019.

“Esta distinção representa o reconhecimento de que o Pingo Doce está, e vai continuar, no caminho certo. O projeto de descarbonização da logística do Pingo Doce, cujas primeiras medidas foram implementadas há mais de dez anos, surgiu, de resto, da vontade de contribuir para o combate ao fenómeno das alterações climáticas, tornando assim os seus negócios mais sustentáveis”, afirma o diretor de Logística e Supply Chain do Pingo Doce, José Luís Teixeira.

Fonte: Jerónimo Martins

Newsletter

captcha 

Estante

Assinar Edição ImpressaAssinar Newsletter Diária