Imprimir esta página
sexta-feira, 29 maio 2020 14:08

São seis os projetos vencedores do “Mais Ajuda”

Foram seis os projetos vencedores – de três startups e três IPSS – do programa “Mais Ajuda”, com intervenção nas áreas de integração social, tecnologia e educação. Desenvolvida pelo Lidl Portugal e pelo Grupo Renascença Multimédia, em parceria com a Beta-i, a iniciativa pretende responder aos atuais problemas sociais relacionados com crianças.

Os projetos inovadores das startups Pixelability – Happies, SPEAK e The Inventors; e das IPSS Acreditar – Associação de Pais e Amigos de Crianças com Cancro, Associação Portuguesa de Crianças Desaparecidas e Associação de Socorros Mútuos Mutualista Covilhanense foram os escolhidos.

Cada um dos projetos recebe o valor de 22.500 euros para implementação da sua proposta e mentoria por parte da Beta-i , que decorrerá dentro dos seis meses que se seguem e que consiste num conjunto de iniciativas, nas quais se incluem workshops e consultoria de gestão de inovação, aceleração do negócio e monitorização do impacto social do projeto. A estes benefícios, o Lidl acrescenta 15.000 euros para a posterior realização de um Business Hackathon, gerido pela Beta-i e direcionado às IPSS selecionadas ao abrigo do “Mais Ajuda”.

“O balanço que fazemos do programa ‘Mais Ajuda´ é bastante positivo, tanto pela quantidade, como pela qualidade das candidaturas recebidas. A escolha dos vencedores não foi um processo fácil, mas estamos muito satisfeitos por ter alcançado o objetivo final desta iniciativa: o de dar um novo impulso a IPSS e start-ups, para que desenvolvam os seus projetos de apoio à comunidade, em benefício de quem mais precisa, contribuindo para um País mais equilibrado”, afirma a diretora de Comunicação Corporativa do Lidl, Vanessa Romeu.

Fonte: Lidl Portugal